Soluções para deixar a casa mais quente no inverno

Olá!

Vamos escrever uma matéria para o Casa.com.br sobre soluções de arquitetura para deixar a casa mais quente no inverno e queremos ouvir as opiniões de vocês.

Aqui estão as nossas dúvidas:

O que incorporar ao projeto da casa

  1. A posição da casa no terreno pode ajudar a aquecê-la nos meses mais frios?
  2. Que tipo de telhado é recomendado para a casa não ficar tão fria no inverno?
  3. O que pode ser feito nas paredes, tanto na hora de construir quanto em relação aos revestimentos?
  4. Que tipo de piso retém o calor e se mantém mais quente no frio?
  5. O tipo de vidro utilizado nas janelas também pode interferir na temperatura da casa? Vidro duplo é uma solução?

Soluções para casas construídas

  1. Quando a pessoa já está com a casa pronta, mas não quer investir em aquecedores, que tipos de cuidados e mudanças podem ser feitas para melhorar o isolamento térmico e deixar o interior mais quente?
  2. Que mudanças exigem menos e mais reformas e mudanças estruturais?
  3.  Existe algum tipo de vidro que ajude a manter a temperatura quente no interior?
  4.  E algum revestimento? Tipo de porta?
  5.  Se uma reforma está agendada para os próximos meses, o que o morador pode fazer?
  6.  Esses cuidados interferem com o verão? Ou seja, se o morador investir nessas alterações, terá a casa mais quente também no verão? Que tipos de alterações podem ser feitas para manter o conforto térmico o ano todo?

Esperamos as respostas de vocês aqui no fórum!

Equipe CasaPRO

Exibições: 1681

Responder esta

Respostas a este tópico

1. A primeira coisa é checar as vedações das janelas e portas. Uma manutenção das borrachas e escovinhas, ajuste de frestas já irá minimizar o problema. Segundo, investir em cortinas de tecidos mais pesados, que barrem o vento e acumulem o calor do sol. Terceiro, escolher tapetes mais altos (15/20mm) que dão a sensação de aconchego e acolhimento.

2. Trocar janelas tem um custo alto, mas se o problema for nas paredes (muito finas ou sem as camadas de revestimento necessárias) o investimento pode subir muito. Para este problema, se não for possível aplicar uma textura por fora (se for um apartamento, por exemplo), é possível revestir as paredes com um lambri de madeira e uma camada de lã de rocha entre ele e a parede. No modo mais econômico, um papel de parede mais grosso ou um tecido também podem ajudar.

3. Os vidros acústicos, embora não tenham essa finalidade a priori, também contribuem para minimizar a entrada do ar frio, especialmente se forem duplos com um espaço entre eles. Porém o que mais conta nas janelas e portas é o caixilho. Ele pode vedar 99% da entrada de ar.

4. Existem vários isolantes térmicos no mercado que vão desde painéis até telhas. Além do lambri com a lã de rocha, paredes estofadas revestidas de couro ou tecido também trazem aconchego e ajudam a manter o calor.

5. Primeiro, verificar por onde está entrando ar e ajustar a vedação, instalar um sistema de calefação ou mesmo aparelhos de ar-condicionado quente-frio. Investir em lareiras de biodiesel, que podem ser colocadas em qualquer ambiente, sem necessidade de dutos etc. Se for trocar os revestimentos de piso, pode-se aplicar uma manta de isopor entre a lage e o contrapiso. Só tem que tomar cuidado com o que será colocado sobre isso porque alguns acabamentos exigirão contrapiso de 4cm acima do isopor.

6. Acho que o pensamento tem que ser tanto para o inverno como para o verão. As mesma janelas que terão reforç na vedação tem que abrir o suficiente no verão e se possível criar uma ventilação cruzada. o ar condicionado quente-frio é bom para as duas estações. Cortinas pesadas podem ter um forro de tecido mais leve (para ser usado no verão) ou mesmo uma persiana. O isolamento de isopor funciona para as duas estações também.

Anexos

Nossa sugestao para aquecer a casa sao as cortinas Duette com tecido tecnologico e celulas de ar, proporcionam maior conforto termico ao ambiente, pois as celulas funcionam como um "colchão" de ar para equilibrar a troca de temperatura.

Outra solução para areas externas é o Toldo Vertical Cristal, seu tecido impede a passagem de vento e chuva, o que mantem o ambiente externo aquecido.

O bom projeto é determinante no conforto térmico de uma edificação.

A edificação bem planejada sai na frente de qualquer reforma ou intervenção.

O ideal é que os espaços internos ofereçam o melhor desempenho térmico através de soluções sustentáveis, e que sejam quentinhos no inverno e fresquinhos no verão.

Para isso, precisamos ter em mente:

- boa insolação;

- fechamentos com bom desempenho térmico;

- boa vedação.

A insolação ideal vai voltar o ambiente para a orientação que recebe mais sol no inverno e menos no verão, evitando o sol da tarde neste período mais quente. Nada esquenta um ambiente como o sol durante o dia - então temos que usá-lo bem para alcançarmos os efeitos desejados nas diferentes estações.

O telhado que mantém a casa mais quente no inverno é o mesmo que a mantém mais fresca no verão: o que for mais isolante. O telhado tradicional, com telhas de barro, costuma sair na frente dos com telha de cimento e dos telhados embutidos, com telhas de fibrocimento. Mantas e outros materiais isolantes, como a argila expandida - utilizada em lajes impermeabilizadas- ajudam a melhorar o desempenho de qualquer solução adotada. Os telhados verdes deixam o ambiente bem fresquinho - no inverno ou verão.

Piso, paredes e teto bem isolantes vão assegurar que a temperatura interna se mantenha por mais tempo sem o auxílio de soluções mecânicas. As paredes de dry wall são as campeãs no isolamento termo-acústico. A madeira também oferece ótimo isolamento térmico, desde que a vedação seja bem feita. As paredes de tijolo de barro, um pouco atrás, ainda são muito superiores às de blocos de concreto neste quesito. Caso suas paredes não ofereçam o isolamento ideal, vale apelar para revestimentos isolantes, como o gesso (das placas de dry wall), cortiça, lã de vidro, etc. O isolamento pode vir por cima da parede e sob o teto existente sob outra camada de placas de gesso, para maior segurança contra fogo ou mesmo para efeitos visuais mais específicos. Quanto ao piso, o mais confortável e versátil ainda é a madeira natural: ótimo isolante térmico, ela é muito agradável aos pés descalços, mantém o ambiente mais quentinho nos dias frios e não os esquenta no calor.

Mas se a vedação do ambiente for ruim, muito de todo esse esforço pode ir por água abaixo. Portas e janelas devem oferecer boa vedação, para que não deixe o calor escapar naqueles dias em que mais precisamos dele. Geralmente as esquadrias de PVC e madeira apresentam o melhor desempenho termo-acústico. As de blindex costumam ficar na lanterna, com muitas frestas. O vidro duplo é uma força extra: o colchão de ar entre as suas folhas vai manter o ar gelado lá de fora.

Fique de olho quando for fazer seu projeto ou reforma, e tire o maior proveito que escolhas inteligentes podem fazer por você.

O que incorporar ao projeto da casa
1. Janelas e aberturas voltadas para o norte, durante o inverno, são uma boa opção. Nessa direção incide o sol nos meses de inverno, deixando os ambientes mais quentinhos. A face sul é uma escolha ruim para aberturas, especialmente de dormitórios, pois não recebe a incidência de raios solares no inverno, isso faz com que aumente a probabilidade de doenças respiratórias, principalmente em crianças.
Além da insolação, é importante pensar no posicionamento levando em consideração os ventos e as edificações vizinhas.

 

2. Poderá instalar uma manta térmica no telhado ou na laje, que irá manter a casa fresca no verão, por impedir que o calor excessivo entre no ambiente, mas que também funciona no inverno, pois dificulta a saída do calor produzido nos ambientes.

 

3. Se as paredes forem no sistema steel frame, poderá ser utilizado um isolante térmico entre as placas, sejam elas cimentícias ou de drywall. Também há a possibilidade de um reboco térmico em paredes de alvenaria.

 

4. Antes da construção poderão ser previstas mantas para serem instaladas entre o contrapiso e o piso, além de lajes pré fabricadas com elementos que auxiliam no conforto térmico, como o isopor.
A madeira é um isolante térmico, que retém o calor por mais tempo, então pisos de madeira ou laminados irão proporcionar maior conforto térmico nos dias frios, além de conferir charme aos ambientes.

 

5. Para que o calor produzido dentro do ambiente não se perca para o meio externo é interessante utilizar vidros de baixa emissividade ou low-e, que recebe uma camada fina de metal e dificulta a passagem de temperatura de um ambiente para o outro.
Outra opção são os vidros duplos, com uma camada de ar ao meio, que impede a passagem de temperatura entre as áreas externa e interna.

 

Soluções para casas construídas

1. Algumas medidas que podem ser tomadas a fim de melhorar a sensação de conforto térmico em dias frios, quando não se quer enfrentar uma reforma, são:
- instalar papel de parede;
- usar xales e mantas na decoração;
- nos estofados opte por tecidos que aqueçam, como veludo, camurça e sued;
- tapetes e almofadas são ótimos para aquecer os ambientes;
- opte por tons escuros e quentes, como marrons e vermelhos;
- cortinas com tecidos mais escuros e mais encorpados como a sarja, o shantung e o linho;
- lareiras portáteis de biofluido não exigem reforma, aquecem os ambientes e ainda são objetos decorativos.

2.

 

 3. Para que o calor produzido dentro do ambiente não se perca para o meio externo é interessante utilizar vidros de baixa emissividade ou low-e, que recebe uma camada fina de metal e dificulta a passagem de temperatura de um ambiente para o outro.
Outra opção são os vidros duplos, com uma camada de ar ao meio, que impede a passagem de temperatura entre as áreas externa e interna.

 

4. Painéis de madeira podem ser utilizados nas paredes para proporcionar maior conforto térmico em dias frios, mas é importante lembrar que em ambientes pequenos eles darão a sensação de estarem menores.
Para portas e janelas uma sugestão são as esquadrias em  PVC, que possuem bom isolamento térmico,  reduzindo a troca de calor e frio entre a área externa e interna.

5 / 6. É importante pensar em uma casa que seja econômica e tenha conforto térmico em todos os períodos do ano, então itens de isolamento térmico, como a manta térmica no telhado ou nas paredes, é uma boa alternativa, pois dificultam a passagem da temperatura externa, seja fria ou quente, para os ambientes,. Se for trocar janelas, opte pelas de pvc, por exemplo. Se for trocar o piso, pense no clima da sua região, leve em consideração se há mais dias quentes ou frios durante o ano. Para cortinas, tenha uma opção com dois tecidos, um voil com outro tecido mais encorpado, dessa forma poderá deixar só o voil no verão.

Olá, boa tarde! 

Seguem algumas dicas para a casa ficar mais quentinha!

1. Geralmente, no momento em que iniciamos o primeiro estudo, onde posicionamos a casa dentro do terreno, sempre projetamos os quartos e salas nas fachadas "Norte". Desta forma, estes cômodos mais importantes da casa, receberão insolação o ano todo.

2. Os telhados que tem uma camada de proteção térmica abaixo de suas telhas são os mais indicados para climas muito frios.

3. Sugerimos elevar a casa em relação ao solo, para que não exista umidade vinda da terra. Na paredes da fachada da residência, sugerimos a aplicação de um impermeabilizante para evitar a umidade vinda da chuva, por exemplo.

4. Existem alguns materiais que são bem adequados para usar como piso e deixar a casa bem confortável. A madeira e o bambu são dois materiais muito confortáveis, mas nem todo mundo pode invetir em um piso destes, por isso, para quem quer economizar, mas não pode gastar com a madeira e nem o bambu, sugerimos a instalação de piso em PVC, que além de ser um isolante térmico, é também um piso sustentável.

5. Atualmente, existem no mercado, alguns tipos de caixilho. Os caixilhos com vidros duplos, triplos e até quadrúplos são opções para quem necessita de um isolante térmico e funciona também como isolante acústico!!!

6. Para quem já está morando na casa, sempre sugerimos o uso de tapetes em salas e quartos, mantas para sofás e camas e pequenas cobertas, que podem valorizar ainda mais o seu decor!

Verifique se os seus caixilhos estão totalmente estanques, caso exista alguma fresta, use um pouco de silicone para fechar ou peça para uma empresa especializada fazer uma avaliação para você.

7. Para você que vai reformar, pode investir em um piso aquecido, por exemplo. Mas lembre-se, você deve entrar em contato com empresa especializada para verificar se o piso que você pretende instalar na casa aceita este tipo de aquecimento! Outro item, que só depende de um pouco de espaço e uma tomada, são os toalheiros térmicos. Quer aconchego melhor do que sair do banho e ter uma toalha quentinha te esperando??

Estamos disponíveis para esclarecimentos de suas dúvidas no email: contato@madi.arq.br

Obrigada!!!

Equipe Madi Arquitetura e Design

Olá,

Começo assim: sol é vida, se não entra sol tudo se complica. No projeto de uma residência é importante escolher onde se prioriza a melhor insolação, nenhuma casa tem só um lado.

Raro estética e a funcionalidade andarem juntas. Uma casa toda envidraçada pode ser uma solução estética, e cujas possibilidades de abertura são ótimas também para lugares predominantes quentes, mas fica difícil e caríssimo solucionar para o oposto. Claro que tudo pode se resolver com sistemas de condicionamento de ar, mas "casa inteligente" é a que conserva energia, não a que esbanja.

Os caixilhos são os maiores responsáveis para uma condição melhor de conservação de energia no frio, e no calor devem possibilitar uma a sensação térmica agradável com suas múltiplas aberturas, mas tudo que abre e fecha, quando fecha tem que fechar mesmo, sem frestas.

Vidros duplos em caixilhos especiais melhoram muito a isolação, mas não se adaptam a todos os tipos de caixilhos.

No piso térreo de uma residência, no inverno, quase que independentemente do piso, e ainda que não passe umidade pelo contrapiso, existe algo como uma friagem que vem do solo. Isola-se com qualidade asfalto polimerizado antes do contapiso.

Não existe piso que retém o calor nas temperaturas ambientes sem a utilização de fontes externas. Soluções "a mais", depois da casa pronta, são muitas, é evidente que pisar ou estar num ambiente com um tapete espesso é termicamente mais agradável que num granito polido. 

Cortinas grossas, paredes externas forradas com isolamento témico, são conservadores de energia, mas fica a pergunta: qual o aspecto desses ambientes no alto verão? Por isso, uma obra equilibrada, que se pensou no projeto é a melhor solução. Para temperaturas extremas, que são sempre por períodos pequenos, pode-se utilizar sistemas de aquecimento ou resfriamento diversos, dos mais românticos aos de tecnolgia de ponta, de acordo com as afinidades pessoais, mas ficarão inativos na maior parte do tempo. 

Telhado sem forro nada pode ser feito; telhado forrado, mas sem laje, tem que ter manta térmica; com laje, o isolamento térmico é praticamente inútil.

Até a cor das paredes influi na 'sensação' do bem estar tanto no frio como no calor.

Agora, ar-cond central resolve tudo no inverno e verão. Piso aquecido é ótima solução no inverno se houver condição técnica e financeira. Quem não se importa em viver numa casa meio 'burrinha', que esbanja energia, não faltam opções, o homem já foi à lua.

Prezados,

Tenho muito interesse nas seguintes ideias, que na minha opinião são boas ideias.

Um bom lugar para fazer uma fogueira, bom essa é a ideia do Fire Place, um lugar aconchegante, que reúne a família para uma boa conversa. Se o espaço for pequeno, no projeto pode ser incluído uma cobertura com Deck, assim não se perde área útil.

Paredes de taipas de Pilão, além de serem bonitas, mantem a temperatura ambiente, tanto no frio quanto no calor, e reduz os ruídos.

Coberturas verdes, os famosos telhados de grama ou forrações com raízes que não são agressivas, mantem o ambiente com a temperatura ideal, no frio e no calor.

Bom o sol precisa ser um integrante do nosso lar, precisar deixa-lo entrar, então no projeto não pode faltar paredes de vidro.

E por fim, incorporar revestimento de madeiras reaproveitadas, ou no piso ou nas paredes, ajudarão muito aquecer o ambiente.

Bom acho que é isso, são ideias que podem ser incorporadas em qualquer projeto.

Um abraço, e sucesso.

Com a posição ideal da casa no terreno, sendo os ambientes de mais utilização na face norte, aproveita-se mais o sol à tarde, principalmente se houver mais janelas nessa posição. Isso se a cidade onde você mora predomina mais o frio que o calor. Cada região há recomendações específicas de projeto.

Se você mora em casa, e não pretende colocar sistema de aquecimento (ar condicionado, calefação,etc.), uma ideia é inserir uma lareira nas áreas sociais. Hoje há lareiras pré-fabricadas com muito estilo, que não precisam de grandes reformas, e em uma semana instala.

A possibilidade de esquadrias de vidros duplos isolam praticamente todo o frio e a temperatura externa, até o excesso de calor no verão. Porém como é um investimento alto, uma ótima opção é utilizar cortinas espessas; principalmente os tecidos “quentes” ajudam muito a bloquear a entrada do frio.

Com estilo pode-se aquecer os ambientes também com utilização de mantas nos sofás, almofadas de tecidos quentes e forrar os pisos com tapetes. Paredes internas podem ser revestidas com painéis de madeira, e nos quartos painéis estofados.

Também utilizar à noite uma iluminação com abajures, de preferência com lâmpadas de luz não fria, fazem o ambiente ficar mais aconchegante. São ideias que dispensam reformas, aquecendo termicamente e sensorialmente os espaços!

 

Estamos disponíveis a lhe atender; envie suas perguntas !    

email: tlarquiteturaconsultoria@gmail.com 

1) Sim, com certeza! Projetar os ambientes principais voltados para o Norte, no inverno a luz do Sol “entra” mais na casa ou “bate” mais nas paredes deste lado, aquecendo a casa. Isso também acontece com a casa voltada para o Leste ou para o Nordeste, mas um pouco menos.  As piores posições são face oeste (recebe o sol depois de meio-dia, terrível no verão) e a sul (recebe pouco sol no inverno principalmente).

2)A melhor escolha é colocar mantas térmicas, que dão conforto em ambas a estações do ano.

3)Pode ser feita isolação direta na alvenaria, a espessura das paredes também influenciam.

4)Hoje em dia temos pisos aquecidos mas podemos usar também a madeira que é mais quente que o piso frio.

5)Sim, vidro duplo é uma alternativa, além da super vedação da caixilharia.

____________________________________________________________________

1)Casas com laje de concreto tem sempre um conforto térmico maior. Caso não seja de concreto, investir na manta térmica entre o telhado e o gesso é uma alternativa.

2)Se o piso for frio, investir em tapetes é uma opção, além de cortinas e papéis de parede.

3)Não conhecemos. Apenas tecnologias que mantém o calor fora do ambiente.

4)Usar blocos de isopor com malha ajuda a manter a temperatura do ambiente. 

5 e 6) O Brasil tem uma diversidade climática enorme, vale considerar desde a insolação do verão até as sombras do inverno. É necessário  considerar vários itens para promover circulação de ar no verão e deixar a luz e calor do sol penetrarem mais no interior da casa no inverno. precisamos tirar maior proveito da natureza a ajuda-la a conservar conforto térmico, através dos diversos materiais que temos ultimamente.

Oi, gostaria de saber se ja saiu a materia sobre isso, preciso muito, la em casa e muito úmido, e esta mofando tudo, acredito que sendo no chao laminado, talvez tecido nas paredes,e moveis de madeira ajudam a aquecer o ambiente, mas gostaria de saber certo o que poderia fazer la em casa para acabar comisso tudo.

Responder à discussão

RSS

Membros

ENCONTRE

Veja alguns dos tipos de projetos que você vai encontrar aqui:

Assine já!

O território de Fernanda Young

© 2017   Criado por CasaPRO.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço